Prefeitura de Sorocaba indica "tratamento precoce", que infectologistas dizem ser ineficaz

O prefeito de Sorocaba ordenou a compra de R$ 57 mil em medicamentos que, segundo médicos infectologistas, não possuem eficácia contra a Covid-19. Esses medicamentos serão distribuídos nas UBS da cidade, informou o governo municipal. O prefeito Rodrigo Manga (Republicanos) usou uma portaria do Ministério da Saúde para justificar a compra.  A Sociedade Brasileira de Infectologia se pronunciou contra a recomendação de remédios para tratamento precoce pela ineficácia desses medicamentos e pela possibilidade de causarem efeitos colaterais.   Prefeitura de Sorocaba indica "tratamento precoce", que infectologistas dizem ser ineficaz / Twitter

Reinaldo

Os cheques da família #Queiroz para a primeira dama Michelle Bolsonaro



Hoje no #SegundaChamada Antonio Tabet, Mara Luquet, Carlos Andreazza, Patrícia Campos Mello e Ed René Kivitz debatem: 

01:01 - As 100 Mil mortes por Covid-19 no Brasil poderiam ter sido evitadas? 

05:06 - Por que o #Bolsonaro diz que o STF determinou que governadores e prefeitos fossem os responsáveis pelo combate à covid? 

21:07 - Os cheques da família #Queiroz para a primeira dama Michelle Bolsonaro

33:16 - Abuso religioso: o estado deve impor limites às atividades das igrejas no processo eleitoral? 

39:43 - O que está em jogo na reforma tributária para a bancada evangélica? 

49:43 - A máquina de moer reputações. Patrícia Campos Mello conta no livro o massacre que sofreu depois de reportagem que denunciava esquema de bolsonaristas no Whatsapp

1:05:37 - Ozonioterapia contra a Covid-19. O que está por trás do "tratamento alternativo" sugerido pelo prefeito de Itajaí?

Comentários

Questão