Comparsas do miliciano Adriano da Nóbrega recorreram a Jair Bolsonaro, diz The Intercept

Ligações perigosas apontam para relações estreitas entre comparsas do miliciano Adriano da Nóbrega e o Presidente da República, a matéria intitulada o "O cara da casa de vidro" traz dados que levantam suspeitas sobre Jair Bolsonaro.   O Intercept já havia reportado sobre as escutas em fevereiro, quando mostramos como Adriano dizia que “se fodia” por ser amigo do presidente da República, e em março, quando detalhamos a briga pelo espólio deixado pelo ex-caveira. As referências a “Jair” e “cara da casa de vidro” constam em novos documentos recebidos pela reportagem, que, em conjunto com as escutas anteriores, permitem entender a amplitude das relações do miliciano e da rede que lhe deu apoio no período em que passou foragido. Adriano da Nóbrega fugia da justiça desde janeiro de 2019, quando o Ministério Público do Rio pediu a sua prisão, acusando-o de chefiar a milícia Escritório do Crime, especializada em assassinatos por encomenda. Ex-integrante da elite do batalhão de elite

Reinaldo

Neymar avisa que não fará pré-temporada com o PSG

Neymar avisou ao Paris Saint-Germain que não se juntará com a equipe para a pré-temporada, que acontecerá na China, segundo informações divulgadas nesta segunda-feira, 1º, pelo jornal catalão Sport. O atacante negocia um retorno para o Barcelona, seu antigo clube.
O diário também aponta que o PSG está disposto a cobrar menos do que a proposta inicial, de 200 milhões de euros (cerca de 860 milhões de reais). O valor para contratar Neymar pode cair ainda mais, caso o Barcelona, em troca, ofereça alguns jogadores de seu elenco.

O Paris Saint-Germain viajará para a China na próxima segunda-feira, 8, e, sabendo da decisão de Neymar, o clube tenta encontrar uma solução antes da viagem. O brasileiro, enquanto isso, segue no Brasil para tratar a lesão no tornozelo que o deixou de fora da Copa América.

Fama de cai cai e chinelinho não foi o bastante para abalar o prestígio do astro brasileiro, mas a de que é um mau profissional essa esta ficando impregnada na sua imagem desde a saída do próprio Barcelona para onde ele quer voltar. Isso sem levar em conta os vários problemas extra-campo em que ele se envolveu, incluindo uma acusação de estupro que verdadeira ou não, arranham aina mais a sua imagem.



O presidente da liga espanhola, Javier Tebas, não gostaria de ter de volta uma das maiores estrelas do futebol mundial. “Prefiro que Neymar não venha, porque não é um bom exemplo”, afirmou o dirigente sobre um possível retorno do brasileiro ao Barcelona, em declarações à rádio Onda Cero.





Javier Tebas, presidente da liga espanhola de futebol: La Coruña sob suspeita“Pode ser um grande jogador, mas o comportamento também é muito importante nos valores que transmitimos como competição”, afirmou Tebas. “Na Liga sempre queremos trazer grandes jogadores, mas no caso de Neymar esse comportamento não é bom para a competição, porque no fim a notícia é sobre o que o jogador fez ou deixou de fazer. Trabalhamos muito para manter nossos valores e não queremos mudar a imagem.”



Neymar, que em 2017 deixou o Barcelona em troca de 222 milhões de euros pagos pelo PSG, estaria interessado em voltar, segundo a imprensa espanhola. O diário catalão Sport diz que o atacante de 27 anos e o Barcelona chegaram a “um acordo verbal” para assinar um contrato de cinco anos.





Ainda segundo a imprensa, o PSG estaria disposto a negociar Neymar por um valor significativo. O jogador, que se recupera de uma lesão no tornozelo que o tirou da Copa América, enfrenta fora dos campos uma acusação de estupro.

Comentários

Questão