Prefeitura de Sorocaba indica "tratamento precoce", que infectologistas dizem ser ineficaz

O prefeito de Sorocaba ordenou a compra de R$ 57 mil em medicamentos que, segundo médicos infectologistas, não possuem eficácia contra a Covid-19. Esses medicamentos serão distribuídos nas UBS da cidade, informou o governo municipal. O prefeito Rodrigo Manga (Republicanos) usou uma portaria do Ministério da Saúde para justificar a compra.  A Sociedade Brasileira de Infectologia se pronunciou contra a recomendação de remédios para tratamento precoce pela ineficácia desses medicamentos e pela possibilidade de causarem efeitos colaterais.   Prefeitura de Sorocaba indica "tratamento precoce", que infectologistas dizem ser ineficaz / Twitter

Reinaldo

Mulher morre de leishmaniose em Campo Grande por descaso com a saúde


Faleceu nesta manhã uma paciente da Santa Casa de Misericórdia com leishmaniose. Não houve diagnóstico por falta de condições de avaliação pelos laboratórios da Capital. Ainda que todos os esforços e conhecimentos da equipe médica, os exames laboratoriais não foram expedidos a tempo, uma vez que são realizados em São Paulo.
via Mulher morre de leishmaniose em Campo Grande por descaso com a saúde — Cenário Capital

Comentários

Questão