Estados articulam ofensiva para barrar proposta de parcelamento de precatórios

A perda de prestígio e credibilidade do governo leva o ministério da economia a tentar manobra para não repassar de uma vez os precatórios aos estados, e assim evitar que opositores tenham acesso a verba às vésperas do ano eleitoral. Jair Bolsonaro segue sua ofensiva contra a Democracia, instituições e o sistema de votação, ao tempo em que tenta asfixiar financeiramente possíveis adversários no pleito de 2022. A matéria do Estadão retrata este cenário: Os Estados se mobilizam numa ofensiva no Congresso para evitar o parcelamento dos precatórios devidos pela União, medida defendida pela equipe econômica para garantir a ampliação do programa Bolsa Família no ano que vem. Dos R$ 89 bilhões em dívidas judiciais previstos para o Orçamento de 2022, pelo menos R$ 16,6 bilhões têm governos estaduais como credores. Para os Estados, a PEC dos precatórios e o projeto que altera o Imposto de Renda são duas frentes lançadas pelo governo federal que fragilizam as contas dos governos regionais, com p

Reinaldo

Mais uma suposta “Bala de Prata” para Lula? Os segredos que Palocci pode revelar na Lava Jato – Legisladores do Brasil

As chamadas "Balas de Prata" para frear o crescimento de Lula nas pesquisas ou até mesmo incrimina-lo a ponto de levar os Juízes a decretar sua prisão imediata. Depois da frustrada delação de Léo Pinheiro que até deu indícios de que Lula seria mesmo o dono do Triplex, mas sem documentos, provas ou algo consistente que confirmasse tudo o que disse em depoimento, acabou por fortalecer a tese de que Sérgio Moro e o MPF do Power Point esta mesmo perseguindo o ex-presidente.





Palocci sabe que uma chave está em suas mãos. Com ela, pode abrir as fechaduras da cela onde está detido, no frio bairro de Santa Cândida, na carceragem da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba. Para ajudar a desvendar o megaesquema de corrupção na Petrobras, a memória do ex-ministro da Fazenda de Lula e ex-chefe da Casa Civil de Dilma será colocada à prova. Ele tem informações que podem explicar como, a partir do início do governo do ex-presidente Lula, organizações criminosas foram montadas para sustentar politicamente o PT, o PMDB e o PP e mantê-los no poder. Tudo à base de propina, dizem os investigadores da Operação Lava Jato, que serviram também para enriquecimento pessoal.



Lula esta surfando na onda de popularidade como nos tempos em que deixou o Governo... Só uma delação que apresente provas comprobatórias podem abalar a imensa vantagem que Lula tem nas pesquisas de intenção de voto.

Palocci é a bala de prata da vez.


Leia mais... Os segredos que Palocci vai revelar - ISTOÉ Independente

Comentários

Questão