Prefeitura de Sorocaba indica "tratamento precoce", que infectologistas dizem ser ineficaz

O prefeito de Sorocaba ordenou a compra de R$ 57 mil em medicamentos que, segundo médicos infectologistas, não possuem eficácia contra a Covid-19. Esses medicamentos serão distribuídos nas UBS da cidade, informou o governo municipal. O prefeito Rodrigo Manga (Republicanos) usou uma portaria do Ministério da Saúde para justificar a compra.  A Sociedade Brasileira de Infectologia se pronunciou contra a recomendação de remédios para tratamento precoce pela ineficácia desses medicamentos e pela possibilidade de causarem efeitos colaterais.   Prefeitura de Sorocaba indica "tratamento precoce", que infectologistas dizem ser ineficaz / Twitter

Reinaldo

De saída do MinC, Marcelo Calero denuncia maracutaia de Geddel Vieira Lima – Assuntos de Goiás | Questão Brasil

Demitido do ministério da Cultura, Marcelo Calero revelou os bastidores da sua queda: Geddel Vieira Lima, articulador político do governo e um dos homens fortes de Michel Temer, o cobrou a pressionar o iPhan a liberar um empreendimento de 30 andares no centro histórico de Salvador.
O motivo: Geddel era dono de um imóvel no empreendimento embargado. "E eu, que comprei um andar alto, como é que eu fico?", cobrava o ministro.
Segundo Calero, ele não foi para o governo para "fazer maracutaia", nem para ceder às pressões de uma pessoa "truculenta" como Geddel; mais uma baixaria no governo Temer, que teve em Geddel um dos principais conspiradores do golpe parlamentar de 2016 

Comentários

Questão