Prefeitura de Sorocaba indica "tratamento precoce", que infectologistas dizem ser ineficaz

O prefeito de Sorocaba ordenou a compra de R$ 57 mil em medicamentos que, segundo médicos infectologistas, não possuem eficácia contra a Covid-19. Esses medicamentos serão distribuídos nas UBS da cidade, informou o governo municipal. O prefeito Rodrigo Manga (Republicanos) usou uma portaria do Ministério da Saúde para justificar a compra.  A Sociedade Brasileira de Infectologia se pronunciou contra a recomendação de remédios para tratamento precoce pela ineficácia desses medicamentos e pela possibilidade de causarem efeitos colaterais.   Prefeitura de Sorocaba indica "tratamento precoce", que infectologistas dizem ser ineficaz / Twitter

Reinaldo

Azul do mar se encontra com paisagem do deserto em Aruba, no Caribe

Aruba, uma dependência holandesa de governo autônomo no Caribe, tem o típico da região: praias paradisíacas, mar azul e um resort. Mas também reserva um lado para aventureiros, em uma extensa área de deserto.

Muita areia, pedras vulcânicas, dunas e cactos, muitos cactos. Na pequena ilha, de 180 quilômetros quadrados (área próxima à de Aracaju), vivem 100 mil pessoas. E, por ano, recebe a 1 milhão de turistas. Desses, 25 mil são brasileiros – daqui, só há voos diretos de Manaus.


Comentários

Questão