Após MP-GO recomendar que Estado e Município não recebam a Copa América, Caiado pode desmoralizar o COE e o próprio Secretário da Saúde

A matéria abaixo foi publicada pelo jornal O Popular mostra que o único estado da federação que tem um médico como governador desmerece as decisões técnicas de um comitê montado para emitir pareceres em casos como este e, pior do que isso, desrespeita o próprio secretário de saúde que também poderia opinar tecnicamente sobre o assunto. A política e a politicagem falaram mais alto no Palácio das Esmeraldas, a vontade do governo de Goiás em "fazer média" com o negacionismo do governo federal salta aos olhos daqueles que tem um mínimo de bom senso.  Matéria do Jornalista Alexandre Ferrari em O Popular: Documento assinado por promotores com atuação na área da saúde cita a alta taxa de ocupação dos leitos de UTI e enfermaria de hospitais destinados para tratamento contra a Covid-19 O Ministério Público de Goiás (MP-GO) enviou uma carta ao governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), com a recomendação de que o Estado não seja sede da Copa América 2021 . O documento também foi encami

Reinaldo

Romário adora a confusão @Reinaldo_Cruz @Assuntosadegoias @QBTV2 @QB_7 @Cnn_br @R49_ @Goias_ec @BUG_SPL

Romário viu seu nome ganhar as manchetes nacionais e internacionais na última semana. Mas dessa vez era apenas um xará: Romarinho, de 21 anos, que ganhou notoriedade ao marcar duas vezes para o Corinthians no clássico com o Palmeiras e, três dias depois, garantir o empate contra o Boca Juniors, em La Bombonera, na primeira final da Libertadores.
"Tenho que parabenizar o garoto por esse brilhante início de carreira, marcando gols contra dois grandes rivais. Tem que ver como uma esperança para o futuro do futebol brasileiro. Que ele continue do jeito que vem fazendo. Aproveite as oportunidades, ele é um garoto muito jovem, que ainda tem muito que aprender. Desejo boa sorte", disse Romário.
O jovem atacante inclusive foi confundido com o filho do deputado federal por um jornal português e outro argentino. Apesar dos elogios ao corintiano, Romário não o vê como seu sucessor. "O cara sou eu. E o carinha é o Romarinho, meu filho", disse citando o jogador da base do Vasco e que fará testes no Barcelona B em breve.
Com passagens marcantes por Vasco e Flamengo, o ex-atacante deixa a rivalidade de lado e garante torcida pelo Corinthians no jogo da próxima quarta-feira, no Pacaembu, que pode garantir o primeiro título do torneio continental ao clube paulista.
"Vou torcer pelo Corinthians por dois motivos: Primeiro porque tenho muito respeito pelo clube e sempre gostei da torcida deles. Segundo porque é contra um time da Argentina e temos de ganhar deles em tudo. Acredito que o Corinthians vai conquistar esse título inédito", apostou Romário.

Comentários

Questão