Secretários de Saúde veem fracasso de Bolsonaro e Pazuello e também querem impeachment

Secretários estaduais de Saúde consideram que sucessivos vexames de Bolsonaro e Pazuello com as vacinas levaram a situação ao limite do suportável. Alguns gestores já apoiam pedido de impeachment do ocupante do Planalto.  Secretários de Saúde dizem ter chegado ao limite a paciência com o ministro Eduardo Pazuello e Jair Bolsonaro. Alguns falam que o único caminho daqui para frente é um pedido de impeachment do presidente.  Os gestores estaduais de Saúde não receberam nenhuma comunicação sobre o cancelamento da ida do avião brasileiro à Índia, após o fracasso das negociações feitas pelo próprio presidente com o governo indiano. Os secretários se queixam ainda de que não foram avisados sobre mudança no calendário de vacinação e veem o episódio como um vexame e um fracasso nacional.  Segundo o Painel da Folha de S.Paulo , gestores estaduais afirmam que o governo e o ministério estão completamente perdidos. Alguns deles só veem como solução para a tragédia sanitária o impeachment do presid

Reinaldo

Vila Nova 3x2 Goiás Tigrão ganha ares de favorito http://youtu.be/GK0YmC44fGs @Reinaldo_Cruz @Dribles_ @QB_7


No estádio Serra Dourada, o Vila Nova saiu vitorioso ao vencer o Goiás pelo placar de 3 a 2, com uma brilhante atuação do atacante Patric, responsável pelos três gols da equipe Colorada, e ele ainda perdeu um penalti.

Com a vitória, o Vila Nova chegou a 25 pontos e é o terceiro colocado do Estadual. Já o Goiás, com 36, permanece na liderança do certame. Pela 17ª rodada, as duas equipes voltam a campo às 16h do próximo domingo (8). O Goiás recebe o Morrinhos, na Serrinha, enquanto o Vila Nova visita o Rio Verde, no Mozart Veloso do Carmo.

O Vila Nova teve a primeira chance de abrir o placar aos 12 minutos do primeiro tempo. Peter derrubou John Lennon dentro da área. Patric, que já havia desperdiçado uma cobrança na última rodada, contra o Morrinhos, cobrou fraco e Harlei defendeu. Dez minutos depois, porém, Patric se redimiu: o atacante recebeu a bola de Nêgo, driblou Rafael Toloi e chutou cruzado, marcando o primeiro gol de sua tarde iluminada.

O Goiás conseguiu o empate aos sete minutos do segundo tempo, com Thiago Humberto, após cruzamento de Egídio. Dois minutos depois, porém, o artilheiro da tarde recebeu outra bola de Nêgo e marcou seu segundo gol na partida, colocando o Vila novamente à frente do placar.

Aos 19 minutos, porém, o Esmeraldino conseguiu empatar novamente o confronto. David chutou e, no rebote, Iarley marcou. No entanto, Patric estava disposto a tomar o jogo para si e, nos minutos finais, cabeceou para decretar a vitória do Vila Nova: 3 a 2.

Comentários

Questão