O ator e humorista Batoré morre em São Paulo

O ator e humorista Ivanildo Gomes Nogueira, de 61 anos, conhecido como Batoré, morreu nesta segunda-feira (10), em São Paulo. Ele estava com câncer. Batoré morreu na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Pirituba, Zona Norte da capital. "As informações médicas foram repassadas à família e a Secretaria Municipal de Saúde lamenta o ocorrido", diz nota da Prefeitura. Ivanildo nasceu em Serra Talhada, em Pernambuco, e se mudou para São Paulo ainda criança. Antes de se tornar ator, jogou futebol nas categorias de base em times paulistas. Com seu principal personagem, Batoré, Ivanildo integrou o elenco do programa " A Praça é Nossa ", do SBT. Em 2016, foi contratado pela Rede Globo para a novela "Velho Chico" em que fez o papel do delegado Queiroz. Batoré também foi vereador de Mauá, na Grande São Paulo, por dois mandatos pelo PP. Fonte: Batoré, ator e humorista, morre em SP | São Paulo | G1

Reinaldo

Felipe Neto vira alvo na internet

Todo mundo que já pensou em criar sites já ouviu falar em SEO e otimizações… Mas as técnicas para aparecer no topo do Google são bem mais complexas do que alguns imaginam. 
Pois uma ferramenta chamada Google Lighthouse ajuda muito nessa hora. Verificando velocidade, acessibilidade e otimizações, ela garante que todos possam melhorar a qualidade das páginas em seus sites. Melhor desempenho é igual a mais cliques e mais sucesso para o seu negócio! 
Bom, né!? Pois os sites criados com o criador da GoDaddy já são otimizados para os melhores resultados com o Google Lighthouse. 
No link que está aqui na descrição você pode ver mais sobre isso e ainda conferir os resultados comparados com sites montados nos criadores concorrentes. https://bit.ly/313fZTt

Mídia de cabeçalho
O presidente da Câmara afirmou neste sábado que pretende acelerar a análise do projeto de lei sobre fake news que tramita na Câmara. O texto já foi aprovado no Senado. Ele também defendeu o youtuber Felipe Neto, que foi alvo de ataques ao longo da semana. 
Fonte:Rodrigo Maia convida e Felipe Neto aceita discutir PL das fake news na Câmara / Twitter

Comentários

Questão