O ator e humorista Batoré morre em São Paulo

O ator e humorista Ivanildo Gomes Nogueira, de 61 anos, conhecido como Batoré, morreu nesta segunda-feira (10), em São Paulo. Ele estava com câncer. Batoré morreu na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Pirituba, Zona Norte da capital. "As informações médicas foram repassadas à família e a Secretaria Municipal de Saúde lamenta o ocorrido", diz nota da Prefeitura. Ivanildo nasceu em Serra Talhada, em Pernambuco, e se mudou para São Paulo ainda criança. Antes de se tornar ator, jogou futebol nas categorias de base em times paulistas. Com seu principal personagem, Batoré, Ivanildo integrou o elenco do programa " A Praça é Nossa ", do SBT. Em 2016, foi contratado pela Rede Globo para a novela "Velho Chico" em que fez o papel do delegado Queiroz. Batoré também foi vereador de Mauá, na Grande São Paulo, por dois mandatos pelo PP. Fonte: Batoré, ator e humorista, morre em SP | São Paulo | G1

Reinaldo

As gigantes do comércio eletrônico estudam a possibilidade de comprar os Correios

Jair Bolsonaro já deixou bem claro a vontade de privatizar os Correios, empresa detentora do monopólio brasileiro no segmento de correspondências.
A venda da estatal já tem atraído a atenção de gigantes globais como a norte-americana Amazon e a chinesa Alibaba, dona do AliExpress. Segundo a coluna Esplanada, do jornal O Dia, as gigantes do comércio eletrônico discretamente estudam a possibilidade de comprar os Correios.

O interesse se daria por conta da enorme estrutura logística que a estatal dispõe, com rotas e agências de distribuição de alcance em nível nacional. Ainda segundo a nota, existe a possibilidade da Amazon ou Alibaba se unirem a um grande banco nacional para a compra. 

Desse modo, o serviço postal seria aproveitado pelas instituições financeiras enquanto a logística seria de serventia das gigantes internacionais. Ainda não há previsão para o início do processo de privatização dos Correios.

Comentários

Questão