As provas gritam: de mamando a caducando a família Bolsonaro é corrupta, diz Vanessa Grazziotin

O Globo traz matéria sobre o imbróglio de 'lavagem de dinheiro' envolvendo a família do Presidente da República. O filho Zero Hum aparece mal na fita e cada vez mais enrolado no emaranhado da rachadinha, inquérito conduzido pelo MP-RJ.

O senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) disse em depoimento ao Ministério Público do Rio (MP-RJ), no âmbito da investigação da “rachadinha”, que não se recorda de ter feito pagamento em espécie durante a aquisição de dois apartamentos em Copacabana, em 2012. Os promotores descobriram que, no mesmo dia em que a compra foi registrada em cartório, por R$ 310 mil, o vendedor dos imóveis efetuou ainda um depósito de R$ 638 mil em dinheiro vivo em um banco que fica a uma rua do cartório onde foi lavrada a escritura. Para o MP-RJ, a venda foi registrada abaixo dos valores negociados, e o pagamento em espécie foi feito no momento da escritura e com dinheiro oriundo do esquema das rachadinhas. Fonte:Flávio Bolsonaro diz não lembrar de pagamento em espé…

Ciência e Tecnologia do Brasil: Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT) será presidida por Vanderlan Cardoso

O senador Vanderlan Cardoso (PP-GO) será o presidente da Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT) no biênio 2019-2020. A eleição foi feita por aclamação, em reunião na tarde desta quarta-feira (13). Ainda não foi realizada a escolha do vice-presidente da comissão.
Logo após a eleição, o novo presidente da CRE falou aos membros da comissão e anunciou que promoverá um levantamento das propostas que aguardam votação no colegiado
O novo presidente disse que é uma honra e um orgulho presidir uma comissão tão importante. Ele agradeceu a seu partido e aos colegas senadores pela confiança e se declarou apaixonado por temas como ciência e tecnologia. Para o senador, o Brasil está ficando para trás em várias áreas da inovação.

— Todos podem contar comigo. Serei um presidente atuante e conto com toda a comissão para buscarmos o crescimento do país — afirmou o senador, que se definiu como um otimista.

O senador Paulo Rocha (PT-PA) parabenizou o novo presidente e apontou que a comissão deve trabalhar para que os recursos tecnológicos sejam usados também pelos pequenos empreendedores. O senador Arolde de Oliveira (PSD-RJ), que dirigiu a reunião, se disse entusiasmado com a eleição de Vanderlan e se declarou um apaixonado pelos temas relacionados à CCT.

Para o senador Luiz Carlos do Carmo (MDB-GO), a CCT é uma das mais importantes comissões do Senado, pois trata “do futuro”. Ele também elogiou a indicação do senador Vanderlan para a presidência da comissão.

A CCT trata de temas como desenvolvimento científico, tecnológico e inovação e também analisa projetos relacionados à política nacional de ciência, tecnologia, inovação, comunicação e informática. A comissão é composta por 17 senadores titulares e outros 17 suplentes.
Ciência e Tecnologia do Brasil: Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT) será presidida pelo senador Vanderlan Cardoso

Comentários