Secretários de Saúde veem fracasso de Bolsonaro e Pazuello e também querem impeachment

Secretários estaduais de Saúde consideram que sucessivos vexames de Bolsonaro e Pazuello com as vacinas levaram a situação ao limite do suportável. Alguns gestores já apoiam pedido de impeachment do ocupante do Planalto.  Secretários de Saúde dizem ter chegado ao limite a paciência com o ministro Eduardo Pazuello e Jair Bolsonaro. Alguns falam que o único caminho daqui para frente é um pedido de impeachment do presidente.  Os gestores estaduais de Saúde não receberam nenhuma comunicação sobre o cancelamento da ida do avião brasileiro à Índia, após o fracasso das negociações feitas pelo próprio presidente com o governo indiano. Os secretários se queixam ainda de que não foram avisados sobre mudança no calendário de vacinação e veem o episódio como um vexame e um fracasso nacional.  Segundo o Painel da Folha de S.Paulo , gestores estaduais afirmam que o governo e o ministério estão completamente perdidos. Alguns deles só veem como solução para a tragédia sanitária o impeachment do presid

Reinaldo

Ronaldo revela que pediu empréstimo de Vinicius Jr. ao Real Madrid

O ex-atacante brasileiro Ronaldo Fenômeno, dono do Valladolid, revelou nesta quarta-feira ter pedido o empréstimo do jovem Vinícius Jr. ao Real Madrid. "Acho que é um grande talento. O Real tem a sorte de tê-lo e certamente vai ser bom para eles. Adoraria contar com ele no Valladolid. Fiz o pedido ao Real, mas é muito difícil que nos emprestem alguém tão bom", afirmou Ronaldo após um café da manhã informativo para expor seu projeto para o clube que comanda. Vinícius Jr foi titular na derrota por 3 a 0 contra o CSKA Moscou, pela última rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões, e foi um dos destaques da equipe merengue na partida. 
O atacante de 18 anos é uma das esperanças do clube para o futuro. Nesta temporada, Vinícius marcou dois gols e deu quatro assistências em oito jogos oficiais. Ronaldo também apoiou a iniciativa do Campeonato Espanhol de disputar um jogo nos Estados Unidos, que desmoronou no início desta semana porque o Barcelona desistiu da partida devido a um desentendimento com as partes organizadoras. 
“Jogar no exterior se alinha com o nosso projeto. Você precisa ser conhecido em casa e no exterior. Sou a favor, mas nossa torcida decidirá no final. “É uma proposta interessante para nosso clube e nossa marca”, afirmou.
O ex-jogador, três vezes eleito o melhor do mundo, adquiriu uma participação de 51 por cento do clube em setembro e afirma que tem sido uma ótima parceria desde o início. “Eu estava procurando algo para fazer há dois anos, procurei um time para comprar na Espanha e na Inglaterra, e o Valladolid foi como um presente”, disse.
O Valladolid está em 12º lugar no Campeonato Espanhol, com 20 pontos.

Comentários

Questão