Prefeitura de Sorocaba indica "tratamento precoce", que infectologistas dizem ser ineficaz

O prefeito de Sorocaba ordenou a compra de R$ 57 mil em medicamentos que, segundo médicos infectologistas, não possuem eficácia contra a Covid-19. Esses medicamentos serão distribuídos nas UBS da cidade, informou o governo municipal. O prefeito Rodrigo Manga (Republicanos) usou uma portaria do Ministério da Saúde para justificar a compra.  A Sociedade Brasileira de Infectologia se pronunciou contra a recomendação de remédios para tratamento precoce pela ineficácia desses medicamentos e pela possibilidade de causarem efeitos colaterais.   Prefeitura de Sorocaba indica "tratamento precoce", que infectologistas dizem ser ineficaz / Twitter

Reinaldo

Por ano, cerca de 100 mil mortes no Brasil estão relacionadas ao consumo álcool

Psiquiatra Alex Ivan Bueno fala sobre a prevenção do alcoolismo. O Alcoolismo pode ser considerado uma doença crônica e pode ser caracterizada pelo consumo excessivo do álcool e por sinais e sintomas de abstinência. 
Vários fatores podem causar a doença, como a genética (quando há incidência de casos de alcoolismo em parentes próximos) e, principalmente, ansiedade e depressão, já que normalmente as pessoas buscam na bebida uma forma de automedicação, seja para relaxar ou sentir prazer.
Estudo da Organização Mundial da Saúde - OMS mostrou que 4% de todas as mortes no mundo são relacionadas ao uso abusivo do álcool. De acordo com este relatório, o uso de bebidas alcoólicas mata mais do que a Aids, a violência e a tuberculose, vitimando jovens entre 25 e 39 anos, em média.

Sintomas

Compulsão para ingerir bebidas alcoólicas;
- Tolerância ao álcool cada vez maior;
- Abstinência: Sintomas como tremor, acompanhado de irritabilidade, náuseas e vômitos;
- Direcionar mais tempo para o consumo de bebidas alcoólicas do que para outras atividades;
- Tentativa de redução ou controle do consumo do álcool com repetidos insucessos;
- Persistência no consumo de álcool mesmo em situações em que o consumo é contra-indicado.

Comentários

Questão