O senador Romário é suspeito de ocultar patrimônio e usar laranjas para escapar das dívidas milionárias

O pagamento de pensões era um grande problema para o senador em seus tempos de fama como jogador, mas hoje em dia isso não deveria ser algo que o incomodasse, pois os filhos estão todos criados e talvez uma ou duas filhas ainda dependam do pai.
O ídolo dos gramados sempre teve sucesso, fez fama e dinheiro. Com o fim da carreira, Romário entrou para política, primeiro se elegeu deputado federal e depois conquistou uma cadeira no Senado da República. A política no Brasil é cercada de desconfianças e os políticos quase na sua totalidade são suspeitos de um tudo.



Leia abaixo a matéria de O Globo e entenda o imbróglio:

Do Jornal O Globo

Marco Grillo e Thiago Prado



Acusado em processos judiciais de transferir bens a terceiros para não pagar dívidas com credores, o senador Romário (Pode-RJ) passou a colocar o próprio advogado como dono de parte do seu patrimônio. Luiz Sérgio de Vasconcelos Júnior, que entre 2017 e 2019 foi funcionário comissionado no Senado, foi autorizado, por meio de documentos…

Por ano, cerca de 100 mil mortes no Brasil estão relacionadas ao consumo álcool

Psiquiatra Alex Ivan Bueno fala sobre a prevenção do alcoolismo. O Alcoolismo pode ser considerado uma doença crônica e pode ser caracterizada pelo consumo excessivo do álcool e por sinais e sintomas de abstinência. 
Vários fatores podem causar a doença, como a genética (quando há incidência de casos de alcoolismo em parentes próximos) e, principalmente, ansiedade e depressão, já que normalmente as pessoas buscam na bebida uma forma de automedicação, seja para relaxar ou sentir prazer.
Estudo da Organização Mundial da Saúde - OMS mostrou que 4% de todas as mortes no mundo são relacionadas ao uso abusivo do álcool. De acordo com este relatório, o uso de bebidas alcoólicas mata mais do que a Aids, a violência e a tuberculose, vitimando jovens entre 25 e 39 anos, em média.

Sintomas

Compulsão para ingerir bebidas alcoólicas;
- Tolerância ao álcool cada vez maior;
- Abstinência: Sintomas como tremor, acompanhado de irritabilidade, náuseas e vômitos;
- Direcionar mais tempo para o consumo de bebidas alcoólicas do que para outras atividades;
- Tentativa de redução ou controle do consumo do álcool com repetidos insucessos;
- Persistência no consumo de álcool mesmo em situações em que o consumo é contra-indicado.

Comentários