Kassio Nunes Marques: Senado sabatina indicado de Bolsonaro para vaga no STF

O senador Elmano Férrer (Progressistas -PI) emprega em seu gabinete a mulher do desembargador Kassio Nunes Marques, mas diz não saber quais as funções que ela exerce, com salário de R$ 11,4 mil por mês. “Eu tenho mais de 30 (funcionários) lá. Não sei o que... Ela é economista, trabalha lá”, afirmou Férrer ao Estadão.  “Vocês estão querendo especular  umas coisas. Eu não trato dessas questões administrativas de servidores, de o que fazem."
Aliado do presidente Jair Bolsonaro, o senador trocou o Podemos pelo Progressistas, em setembro. Na mudança, perdeu o direito de manter cargos na 2ª vice-presidência da Casa, mas ganhou espaço na 4ª Secretaria. Juiz federal é ouvido por senadores na Comissão de Constituição de Justiça. Além da comissão, nome de indicado de Bolsonaro precisa ser aprovado pelo plenário do Senado.  -------------------------

Na linha de Palocci, Eduardo Cunha ameaça delação ‘Explosiva’ para o mundo empresarial – Profissão Político

Eduardo Cunha segue preso vendo seus segredos serem revelados por outras pessoas que estão obtendo benefícios de uma colaboração premiada com as revelações. 

O ex-deputado Eduardo Cunha parece ter se inspirado no ex-ministro Antônio Palocci que viu a corda apertar seu pescoço e resolveu se oferecer para entregar muito mais do que a Lava Jato conseguiu apurar até aqui. 

Se Cunha demorar muito mais a fazer o papel de X-9, quando ele resolver entregar algo a Justiça, pode ser que não haja mais nada que o povo brasileiro, a Polícia Federal ou a Justiça não saibam. 

As condenações de Eduardo Cunha e sua Mulher, Cláudia Cruz, são favas contadas no staff do Juiz Moro e uma colaboração premiada que sirva para desvendar pontos ainda obscuros para os Promotores do MPF. 

Ele só não pode é demorar sinalizar esta delação, sob pena de não ter nada a declarar a não ser contra si mesmo.
 


 

Comentários