Comparsas do miliciano Adriano da Nóbrega recorreram a Jair Bolsonaro, diz The Intercept

Ligações perigosas apontam para relações estreitas entre comparsas do miliciano Adriano da Nóbrega e o Presidente da República, a matéria intitulada o "O cara da casa de vidro" traz dados que levantam suspeitas sobre Jair Bolsonaro.   O Intercept já havia reportado sobre as escutas em fevereiro, quando mostramos como Adriano dizia que “se fodia” por ser amigo do presidente da República, e em março, quando detalhamos a briga pelo espólio deixado pelo ex-caveira. As referências a “Jair” e “cara da casa de vidro” constam em novos documentos recebidos pela reportagem, que, em conjunto com as escutas anteriores, permitem entender a amplitude das relações do miliciano e da rede que lhe deu apoio no período em que passou foragido. Adriano da Nóbrega fugia da justiça desde janeiro de 2019, quando o Ministério Público do Rio pediu a sua prisão, acusando-o de chefiar a milícia Escritório do Crime, especializada em assassinatos por encomenda. Ex-integrante da elite do batalhão de elite

Reinaldo

São Paulo pode anunciar Rafael Tolói @Assuntosdegoias @Reinaldo_Cruz @Goias_ec @QBTV2 @QB_7 @Dribles_

Todo dia aparece na imprensa uma notícia dando conta da venda de Rafael Tóloi. Aos 21 anos, o zagueiro já foi estrela nas divisões de base da Seleção Brasileira e em 2009 acabou sendo campeão Sul-Americano Sub-20. Atualmente, o técnico Emerson Leão conta com Rhodolfo, Paulo Miranda, Edson Silva, João Filipe e Bruno Uvini para compor o sistema defensivo. O único que passa confiança é Rhodolfo, enquanto os outros ainda não mostraram um bom rendimento.
A intenção da diretoria do Tricolor é se reunir com dirigentes esmeraldinos nesta quarta-feira, quando o time irá enfrentar o Goiás, no Serra Dourada, pelas quartas de final da Copa do Brasil, para tentar a contratação de Rafael Tolói. Caso a negociação seja concretizada, o zagueiro chegaria para ser o companheiro de Rhodolfo, único jogador que tem presença certa no setor defensivo.
Rafael Tolói é um sonho antigo da diretoria do São Paulo, que já havia tentado sua contratação no ano passado. Na época, o clube esteve muito próximo de anunciar o zagueiro, que disputava a Série B do Brasileiro pelo Goiás, mas a negociação não chegou a ser concretizada, já que a diretoria esmeraldina passava por um momento de crise.

Comentários

Questão