Secretários de Saúde veem fracasso de Bolsonaro e Pazuello e também querem impeachment

Secretários estaduais de Saúde consideram que sucessivos vexames de Bolsonaro e Pazuello com as vacinas levaram a situação ao limite do suportável. Alguns gestores já apoiam pedido de impeachment do ocupante do Planalto.  Secretários de Saúde dizem ter chegado ao limite a paciência com o ministro Eduardo Pazuello e Jair Bolsonaro. Alguns falam que o único caminho daqui para frente é um pedido de impeachment do presidente.  Os gestores estaduais de Saúde não receberam nenhuma comunicação sobre o cancelamento da ida do avião brasileiro à Índia, após o fracasso das negociações feitas pelo próprio presidente com o governo indiano. Os secretários se queixam ainda de que não foram avisados sobre mudança no calendário de vacinação e veem o episódio como um vexame e um fracasso nacional.  Segundo o Painel da Folha de S.Paulo , gestores estaduais afirmam que o governo e o ministério estão completamente perdidos. Alguns deles só veem como solução para a tragédia sanitária o impeachment do presid

Reinaldo

Barça x Milan Previsão de muitos gols http://youtu.be/7qWCJ448T98 http://youtu.be/GK0YmC44fGs @Reinaldo_Cruz



Barcelona e Milan são os únicos times que conquistaram mais de uma "orelhuda" (apelido do troféu) neste século: os milanistas venceram em 2003 e 2007, enquanto os catalães ganharam em 2006 e 2009, alé da última edição.

Mesmo com um futebol aquém do dos espanhóis, a equipe de Milão conseguiu endurecer os três confrontos deste ano. Na fase de grupos, além do empate na estreia, o Barcelona suou para vencer no San Siro por 3 a 2.

Já no jogo de ida das quartas de final, na semana passada, o Milan montou um ferrolho para brecar Messi e comemorou o empate por 0 a 0 ao fim da partida. Com isso, qualquer empate com gols dá hoje a classificação aos italianos. Ao Barcelona, uma vitória simples vale a classificação à semifinal --novo 0 a 0 levaria o duelo à prorrogação.

Porém o técnico Pep Guardiola acredita que o jogo não precisará do tempo extra.





Comentários

Questão