Juliette lança nova música "Solar" que passa mensagem de que os dias ruins também passam

A letra de SOLAR foi escrita por alguém que naquele momento estava dilacerada pela vida, não tinha como saber que aquelas palavras carregadas de tristeza virariam uma bela e alegre música um dia, afinal de contas, elas tinham o intuíto de homenagear e lembrar uma perda muito grande.  As palavras vieram, a caneta deslizou sobre o papel e o texto fluiu de forma natural escrito por alguém magoada, com a fé abalada e triste pelas pancadas da vida naquele momento. Os dias mais difíceis nos levam a pensar que não vamos aguentar, a boa notícia é que eles também passam. A perda de alguém que amamos é irreparável e por vezes nos tira a própria luz do dia, mas que bom testemunhar que Deus nunca soltou a mão de Juliette e ainda permitiu que aquela tristeza de outrora se tornasse um encanto em forma música. A canção "Solar" traz Esperança, conforto e alegria. Na voz aveludada de Juliette ela avisa que o Sol volta sempre para fazer o nosso dia ser lindo outra vez.

Reinaldo

Goiás sofre com a bola aérea e é derrotado pela Ponte Preta #ASBUG @Reinaldo_Cruz @Questao_Brasil @Assuntosdegoias @Copa_aespl @Copaflavios @Marcellotas

O Goiás sofreu com o jogo aéreo da Ponte Preta e conheceu o dissabor de sua quarta derrota fora de casa na Série B do Campeonato Brasileiro. O alviverde perdeu por 2 a 1 para a Ponte Preta, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP), e segue sem vencer fora de Goiânia. Apesar do mal resultado, os profissionais do clube esmeraldino disseram que gostaram da atitude do time, que ainda não deixou a 12ª posição na tabela, mas pode ser ultrapassado hoje (02/07), quando termina a 9ª rodada. A Ponte Preta abriu o placar com Guilherme, aos 12 minutos do primeiro tempo. Ele cabeceou para o gol após escanteio cobrado por Renatinho. No segundo tempo, Amaral empatou, aos 15 minutos, também após cobrança de escanteio. Mas a comemoração do empate durou pouco. Aos 19, Ferrón aproveitou cruzamento da direita e colocou a Macaca novamente à frente. O Goiás volta a jogar na próxima terça feira e tem outro desafio fora de casa. Vai pegar o Criciúma, em Santa Catarina e o diretor de futebol Kléber Guerra espera que nesta partida, o novo treinador já esteja a frente da equipe.

Comentários

Questão