O senador Romário é suspeito de ocultar patrimônio e usar laranjas para escapar das dívidas milionárias

O pagamento de pensões era um grande problema para o senador em seus tempos de fama como jogador, mas hoje em dia isso não deveria ser algo que o incomodasse, pois os filhos estão todos criados e talvez uma ou duas filhas ainda dependam do pai.
O ídolo dos gramados sempre teve sucesso, fez fama e dinheiro. Com o fim da carreira, Romário entrou para política, primeiro se elegeu deputado federal e depois conquistou uma cadeira no Senado da República. A política no Brasil é cercada de desconfianças e os políticos quase na sua totalidade são suspeitos de um tudo.



Leia abaixo a matéria de O Globo e entenda o imbróglio:

Do Jornal O Globo

Marco Grillo e Thiago Prado



Acusado em processos judiciais de transferir bens a terceiros para não pagar dívidas com credores, o senador Romário (Pode-RJ) passou a colocar o próprio advogado como dono de parte do seu patrimônio. Luiz Sérgio de Vasconcelos Júnior, que entre 2017 e 2019 foi funcionário comissionado no Senado, foi autorizado, por meio de documentos…

Fórmula 1 ou Fórmula Mercedes? Hamilton vence GP da Estíria e fica a seis vitórias de igualar Schumacher

Schumacher x Hamilton
Vivemos uma época em que a velocidade das informações são tão rápidas e avassaladoras quanto uma tomada de tempo para a largada de um Grande Prêmio. Muitos jovens nem se lembram da grandeza de lendas que passaram pelo paddock e escreveram nas pistas seus nomes na história do automobilismo mundial.
Falar de Juan Manuel Fangio, Emerson Fittipaldi, Niki Lauda, Alan Prost ou Nelson Piquet então, seria para muita gente algo de outro mundo. Ayrton Senna ocupa um lugar especial no coração dos aficionados por Fórmula 1, mas em termos de números é Michael Schumacher o maior de todos, seguido bem de perto pelo britânico Lewis Hamilton.
É a frieza dos números, e dizem por ai que eles não mentem jamais, que pode colocar o atual piloto da Mercedes no topo da lista dos melhores de todos os tempos. O ano de 2020 é atípico, pode atrasar a quebra dos recordes de Shumi, mas não há dúvidas que Hamilton vai pulverizar todas as marcas da F1 nos próximos dois anos.
Com a Mercedes absoluta nas pistas, Lewis Hamilton tem tudo para ultrapassar o alemão e estabelecer um novo balizamento para a categoria e, seus feitos não devem cair tão cedo, pois os concorrentes estão muito atrás, na pista e nas estatísticas da categoria que esta prestes a completar 70 anos de história.
  
Lewis Hamilton deu neste domingo mais um passo para alcançar o recorde de vitórias de Michael Schumacher na Fórmula 1. Com uma atuação impecável, o inglês venceu de ponta a ponta o GP da Estíria, no circuito austríaco de Spielberg, chegou a 85 triunfos na categoria e ficou a apenas seis de igualar a histórica marca do alemão.

Valtteri Bottas passou Max Verstappen no fim da prova para terminar em segundo e manter a liderança do campeonato, com 43 pontos contra 37 de Hamilton. Já o holandês da RBR completou o pódio na terceira posição e seu companheiro de equipe Alexander Albon fechou em quarto.
Fonte: GP da Estíria: Hamilton vence e fica a seis vitórias de igualar Schumacher; Ferraris batem | fórmula 1 | Globoesporte

Comentários