João de Deus recebe a 12º denúncia pela Promotoria de Goiás pelo estupro de vulnerável de duas vítimas do Rio Grande do Sul. O réu já foi condenado

Imagem
O médium, que está preso, já tinha recebido uma pena de 19 anos por outros casos envolvendo crimes sexuais. A juíza Rosângela Rodrigues, da Comarca de Abadiânia (GO), ainda julgará outras dez denúncias contra ele.

Comentários