sábado, 14 de abril de 2018

Os interesses do capital nem sempre claros levam EUA e aliados a bombardear a Síria

Os interesses do capital nem sempre claros levam EUA e aliados a bombardear a Síria. Bombas que caem na cabeça do povo Sírio tem o objetivo de provocar e atingir a vaidade de Vladimir Puttin, presidente da Rússia.

Estados Unidos, França e Reino Unido bombardearam alvos na Síria na madrugada deste sábado, em uma ação coordenada contra o regime de Bashar Al Assad uma semana após um suposto ataque com armas químicas ter matado cerca de 40 civis nos arredores de Damasco. Poderemos ver consequências terríveis desta ação, analistas esperam uma resposta contundente da Rússia, aliada do regime Sírio. 


Arquivo do blog

Seguidores