O ator e humorista Batoré morre em São Paulo

O ator e humorista Ivanildo Gomes Nogueira, de 61 anos, conhecido como Batoré, morreu nesta segunda-feira (10), em São Paulo. Ele estava com câncer. Batoré morreu na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Pirituba, Zona Norte da capital. "As informações médicas foram repassadas à família e a Secretaria Municipal de Saúde lamenta o ocorrido", diz nota da Prefeitura. Ivanildo nasceu em Serra Talhada, em Pernambuco, e se mudou para São Paulo ainda criança. Antes de se tornar ator, jogou futebol nas categorias de base em times paulistas. Com seu principal personagem, Batoré, Ivanildo integrou o elenco do programa " A Praça é Nossa ", do SBT. Em 2016, foi contratado pela Rede Globo para a novela "Velho Chico" em que fez o papel do delegado Queiroz. Batoré também foi vereador de Mauá, na Grande São Paulo, por dois mandatos pelo PP. Fonte: Batoré, ator e humorista, morre em SP | São Paulo | G1

Reinaldo

Caciques do PMDB em pânico com eventual delação de Geddel Vieira Lima e Eduardo Cunha – Assuntos de Goiás | Questão Brasil





Reinaldo Da Silva Cruz



 O Indulto de Natal de Michel Temer acabou suspenso pela Presidente do Supremo Tribunal Federal, a ministra Carmem Lúcia não tinha muito o que fazer diante de tantas benesses, com tanta flexibilização e afrouxamento das penas para criminosos do colarinho branco o Indulto de Natal mais parecia um "Insulto natalino" que acabou suspenso em parte. 
 
O Indulto que virou Insulto de Natal não diminuiu penas de condenados como queria Eduardo Cunha e Geddel Vieira Lima, e assim como os dois, Henrique Eduardo Alves também esperava ser beneficiado pelo polêmico Indulto, as três figuras são o calcanhar de Aquiles do MDB e para obter redução de pena ou antecipar as progressões a única saída que restou aos políticos-bandidos é mesmo a delação premiada a ser celebrada a qualquer momento com o Ministério Público.

Comentários

Questão