Estados articulam ofensiva para barrar proposta de parcelamento de precatórios

A perda de prestígio e credibilidade do governo leva o ministério da economia a tentar manobra para não repassar de uma vez os precatórios aos estados, e assim evitar que opositores tenham acesso a verba às vésperas do ano eleitoral. Jair Bolsonaro segue sua ofensiva contra a Democracia, instituições e o sistema de votação, ao tempo em que tenta asfixiar financeiramente possíveis adversários no pleito de 2022. A matéria do Estadão retrata este cenário: Os Estados se mobilizam numa ofensiva no Congresso para evitar o parcelamento dos precatórios devidos pela União, medida defendida pela equipe econômica para garantir a ampliação do programa Bolsa Família no ano que vem. Dos R$ 89 bilhões em dívidas judiciais previstos para o Orçamento de 2022, pelo menos R$ 16,6 bilhões têm governos estaduais como credores. Para os Estados, a PEC dos precatórios e o projeto que altera o Imposto de Renda são duas frentes lançadas pelo governo federal que fragilizam as contas dos governos regionais, com p

Reinaldo

Programa Trabalhando com Jovens será discutido com a Juventude Catalana no próximo dia 27 | Conexões com o Mundo

No próximo dia 27 de outubro em Catalão haverá um encontro de Julio Paschoal com a Juventude Catalana, é a oportunidade para discutir ações e projetos voltados para o desenvolvimento socioeconômico desse importante município da região Sudeste, do Estado, do qual Julio tem orgulho de ser filho e poder representar a partir de 2018, na Assembléia Legislativa. 

Venha participar conosco.

Detalhe não se trata de discutir sobre o Jovem Cidadão que é um programa do Governo do Estado de Goiás e sim o Programa Trabalhando com Jovens, de iniciativa de Julio Paschoal e do Deputado Federal Giuseppe Vecci.
 [embed]https://www.facebook.com/924956747647117/photos/a.975437292599062.1073741829.924956747647117/1039794442830013/?type=3&theater[/embed]

Comentários

Questão