Juliette não esperava repercussão mas se divertiu com o pedido de tradução do Pokemón da Nintendo

Juliette colocou um ponto final no mistério e divulgou em Live no Instagram nesta quinta-feira (3) as datas e as cidades que devem receber os primeiros cinco shows de sua turnê, 'Caminhos' . As cidades escolhidas são do Nordeste e Sudeste do país, e já acontecem ainda neste de março. O local escolhido para o primeiro show, aquele que marca a estréia dela nos palcos acontece na cidade em que reside, o Rio de Janeiro, no dia 26 deste mês. João Pessoa, capital do estado natal de Juliette, Paraíba, também faz parte da rota da turnê no início de abril. Vitória, no Espírito Santo, e Recife, também terão shows da cantora. Muito se perguntou nas redes sociais após a divulgação sobre Campina Grande, apesar de Juliette não ter falado sobre isso, acreditamos que a Pitica deve estar reservando a cidade e o Parque do Povo para realizar o sonho de cantar no maior São João do mundo em Junho. Nas redes sociais, a paraibana celebrou o novo desafio, e convidou os fãs a conhecerem este “novo cami

Reinaldo

O Mundo sem Ninguém: O Destino da maior Pretensão Humana

O Mundo sem Ninguém: O Destino da maior Pretensão Humana

Assombrados, podemos desaparecer de vários maneiras, seja uma epidemia, um asteroide, ataque alienígena etc... Mas agora pense no mundo sem nós. Quanto tempo demoraria para as cidades voltarem a ser floresta? O que aconteceria com os bichos de estimação, como cães e gatos? Alguma coisa feita pelo homem sobreviveria milhares de anos depois do nosso desaparecimento? E mais, visite um local onde aconteceu isso a mais de 20 anos...

O mundo sem ninguém...sonho dos ambientalistas?segundo este interessantíssimo documentário as consequência de um mundo sem ninguém(os humanos, bem entendido) seriam basicamente as seguintes: Nos primeiros seis meses, os animais selvagens já estariam novamente vivendo nas cidades. Com um ano, o mato estaria tomando conta da área urbana, e com cinco anos as ruas e estradas teriam desaparecido embaixo deste mato. Passados 25 anos sem ninguém, as estruturas de concreto e aço começam a ruir sem o trabalho humano de conservação, e após 200 anos somente as mais resistentes estruturas de concreto reforçado ainda estarão de pé. Mas transcorridos 500 anos, mesmo estas sucumbirão, e após mil anos quase todas as evidencias da civilização terão desaparecido e as cidades serão novamente grandes florestas. Um mundo quase 100%, será esse o sonho dos ambientalistas mais radicais?

Comentários

Questão