Juliette não esperava repercussão mas se divertiu com o pedido de tradução do Pokemón da Nintendo

Juliette colocou um ponto final no mistério e divulgou em Live no Instagram nesta quinta-feira (3) as datas e as cidades que devem receber os primeiros cinco shows de sua turnê, 'Caminhos' . As cidades escolhidas são do Nordeste e Sudeste do país, e já acontecem ainda neste de março. O local escolhido para o primeiro show, aquele que marca a estréia dela nos palcos acontece na cidade em que reside, o Rio de Janeiro, no dia 26 deste mês. João Pessoa, capital do estado natal de Juliette, Paraíba, também faz parte da rota da turnê no início de abril. Vitória, no Espírito Santo, e Recife, também terão shows da cantora. Muito se perguntou nas redes sociais após a divulgação sobre Campina Grande, apesar de Juliette não ter falado sobre isso, acreditamos que a Pitica deve estar reservando a cidade e o Parque do Povo para realizar o sonho de cantar no maior São João do mundo em Junho. Nas redes sociais, a paraibana celebrou o novo desafio, e convidou os fãs a conhecerem este “novo cami

Reinaldo

Toninho Santos 23 730 Vereador por Goiânia

Conheça as propostas de Toninho Santos
Fiscalizar o planejamento urbano da cidade em relação aos novos empreendimentos para reduzir os impactos na infra-estrutura, como o trânsito, bem com proteger o meio ambiente.
Cobrar melhor qualidade, conforto e eficiência do transporte público, propondo na Câmara Municipal a revisão dos contratos e exigir o cumprimento das melhorias estabelecidas.
Atuar por um melhor atendimento na Unidades Básicas de Saúde, que devem redobrar a prevenção e a atenção à saúde de forma integral e melhorar o atendimento aos idosos.
Apoiar juventude, que necessita de mais atividades culturais e esportivas, educacionais como forma de prevenção contra o uso drogas lícitas e ilicitas.
Atuar com humanismo e dedicação em ações sociais para auxiliar e recuperar os usuários de drogas.
Atuar pela valorização dos professores e profissionais de educação.
Propor maior integração das forças de segurança do munícipio (GM) e do Estado (PM e Polícia Cívil) para que atuem integradas no policiamento comunitário para garantir segurança ao cidadão.
Encorajar a implantação do orçamento participativo, onde as pessoas decidem diretamente onde e como serão investidos os recursos. Apresentar projeto que garanta aos Conselhos Municipais recursos do orçamento e mais autonomia.

Comentários

Questão