Juliette não esperava repercussão mas se divertiu com o pedido de tradução do Pokemón da Nintendo

Juliette colocou um ponto final no mistério e divulgou em Live no Instagram nesta quinta-feira (3) as datas e as cidades que devem receber os primeiros cinco shows de sua turnê, 'Caminhos' . As cidades escolhidas são do Nordeste e Sudeste do país, e já acontecem ainda neste de março. O local escolhido para o primeiro show, aquele que marca a estréia dela nos palcos acontece na cidade em que reside, o Rio de Janeiro, no dia 26 deste mês. João Pessoa, capital do estado natal de Juliette, Paraíba, também faz parte da rota da turnê no início de abril. Vitória, no Espírito Santo, e Recife, também terão shows da cantora. Muito se perguntou nas redes sociais após a divulgação sobre Campina Grande, apesar de Juliette não ter falado sobre isso, acreditamos que a Pitica deve estar reservando a cidade e o Parque do Povo para realizar o sonho de cantar no maior São João do mundo em Junho. Nas redes sociais, a paraibana celebrou o novo desafio, e convidou os fãs a conhecerem este “novo cami

Reinaldo

Evo Morales diz que não usa e-mail porque os EUA têm acesso via @Reinaldo_Cruz

Evo Morales ficou retido na Europa por causa de Edward Snowden
A informação sobre o suposto acesso aos e-mails das autoridades bolivianas, segundo Morales, foi obtida na sexta-feira "graças a alguns amigos presidentes", com os quais se reuniu na cúpula semestral do Mercosul, realizada em Montevidéu.

"Eu, antes de ser presidente tinha e-mail. Alguns irmãos me recomendaram 'Evo, não use isso' e fechei, escutei suas palavras, felizmente", disse o líder em seu discurso.

O governante também afirmou que os Estados Unidos gastam todos os anos US$ 75 bilhões em inteligência e para ilustrar o tamanho desse número para sua audiência de camponeses e indígenas, comparou o orçamento das agências de inteligência com os US$ 14 bilhões que a Bolívia tem no total de reservas em divisa estrangeira no Banco Central.

"Sabem o quanto gastam com inteligência? A cada ano gastam US$ 75 bilhões para monitorarem todos, para grampear os telefones", disse Morales, que, além disso, comparou esses gastos com espionagem com a pobreza que, segundo sua opinião, persiste nos EUA.

Morales também falou sobre o caso Edward Snowden e sobre o apoio que obteve do Mercosul pela "ofensa" que sofreu na semana passada quando quatro países europeus, segundo denunciou, fecharam seus espaços aéreos durante o retorno de seu avião presidencial a La Paz, que saiu de Moscou, pela suspeita de que o ex-técnico da CIA estava a bordo da aeronave.

Leia mais: Evo Morales diz que não usa e-mail porque os Estados Unidos têm acesso - Terra Brasil

Comentários

Questão